Dicas para melhorar no recrutamento e seleção

No passado, tínhamos um RH voltado para dentro, no qual era basicamente um departamento pessoal. A preocupação com as pessoas e consequentemente o clima interno não existiam. Porém, os tempos mudaram.

Hoje, a área de Recursos Humanos tomou um lugar merecido na gestão das empresas. A qualidade de vida ganhou eco, e um melhor ambiente interno trouxe frutos inesperados para alguns, mas claros para muitos, por exemplo: o ganho de produtividade, redução nos custos com má qualidade e melhora nos produtos e serviços.

O que isso tem a ver com contratação pessoal?

Tudo a ver! Para se contratar colaboradores comprometidos e alinhados com a empresa, você precisa conhecer muito bem o cliente interno e externo, saber o clima, os desafios, os anseios e traçar um bom perfil do candidato.

Para atrair bons candidatos, é fundamental ter uma boa agência para capacitação de talentos e uma opção de qualidade para os clientes. Também é necessário na busca de candidatos, estar presente na memória das pessoas, por meio do uso das redes sociais de forma ativa, investimento em um site qualificado e leve, onde se pode navegar com excelência.

Vencida essa fase, você receberá muitos currículos, sendo vital ter uma boa ferramenta "robô", que ajude a tirá-los, facilitando o trabalho dos selecionadores, deixando que cuidem mais das pessoas.

Escolhido os candidatos, feito o agendamento, virá a fase de "namoro"do candidato com a empresa contratante. Esta é a hora do respeito profissional, as suas ansiedades e sonhos. Temos a obrigação de atender na hora marcada e criar empatia, o qual ajudará muito nas entrevistas, nada de estar "do outro lado da mesa", como um inquisidor.

Com certeza, nesse processo para contratar funcionários, você encontrará currículos excelentes, mas eles não devem ofuscar um atributo essencial para um profissional -  capacidade de trabalhar em equipe, sempre fique atento nisso.

Por fim, surpreenda o cliente, entregue se possível acima das suas expectativas, faça o melhor e , após as decisões, dê o feedback aos escolhidos e as que ficaram fora do processo. Respeito é fundamental ao candidato, ao cliente e a imagem da sua empresa.

Ricardo Menezes Brandão
Diretor de Negócios da VRS